Dicas e Curiosidades

ver todos

7 sinais de que seu smartphone pode
estar com vírus

Postado em 12/12/2016

7 sinais de que seu smartphone pode estar com vírus

469.000
novas ameaças são encontradas
por semana na internet.

Se você quer uma
navegação segura e total
proteção
para seus dados
garanta a proteção do
UOL Antivírus

baixar agora

A verdade é uma só: as ameaças virtuais estão atacando qualquer aparelho que se conecte à internet, em especial os populares smartphones.

Nesse cenário, a empresa de segurança digital Kaspersky Lab já identificou mais de 7,1 milhões de aplicações maliciosas exclusivas para dispositivos móveis somente nos meses de julho a setembro de 2016.

Para se ter uma ideia de como as ameaças móveis crescem a passos largos, isso representa um avanço de 163% em relação ao mesmo período do ano passado, quando haviam sido descobertos pouco mais de 2,7 milhões de pragas.

Além de roubar informações pessoais e bancárias, esses vírus também comprometem o desempenho do seu smartphone.

Seu aparelho está desprotegido? Bem, então a notícia ruim é que você pode ter sido uma vítima desses ataques. Para tirar essa dúvida, veja 7 sinais de que o seu smartphone pode estar com vírus:

1. Lentidão

Assim como acontece com os computadores, um sintoma comum em smartphones infectados é que eles começam a ficar lentos. Na prática, isso quer dizer que o aparelho demora para reagir a um comando, como abrir aplicativos, ligar e desligar, tirar fotos e por aí vai.

2. Bateria com duração comprometida

A gente sabe que o tempo útil da bateria de um smartphone é curto, especialmente se há muitos aplicativos rodando simultaneamente nele.

Mas se o tempo de duração entre uma recarga e outra começar a diminuir, é possível que seu aparelho esteja infectado. A explicação para isso é que muitos vírus consomem os dados do celular de forma excessiva.

3. Superaquecimento

É normal você sentir o aparelho esquentar quando está assistindo a um vídeo pelo smartphone, por exemplo. Isso acontece porque esse tipo de mídia demanda bastante do processador gráfico. Mas, pouco tempo depois, a temperatura do celular volta ao normal.

O superaquecimento se torna um problema quando o smartphone começa a esquentar sozinho, sem que você esteja realizando uma ação que requeira alto desempenho do aparelho. Nesse caso, é possível que o aparelho esteja com um vírus.

4. Presença de anúncios estranhos

O usuário já está acostumado a visualizar anúncios enquanto navega pela internet. De modo geral, esses anúncios possuem um certo padrão e são referentes a produtos de algum interesse do usuário.

No entanto, muitos vírus fazem com que anúncios estranhos apareçam durante a navegação, principalmente de conteúdo adulto. Mesmo fechando a janela do anúncio, ele volta em pouco tempo. Se isso estiver acontecendo, é bom ficar esperto!

5. Problemas nos navegadores

Embora digite o endereço correto de um site, você acaba sendo direcionado para outra página e um site suspeito se abre. A navegação fica mais lenta do que o comum. Esses são alguns sintomas nos navegadores de um smartphone infectado por vírus.

6. Comportamento estranho dos aplicativos

Quando alguns aplicativos apresentam comportamento estranho, como enviar mensagens sem autorização e interromper a ação de alguns comandos, você pode começar a suspeitar que, provavelmente, seu smartphone está infectado por alguma praga móvel.

7. Cobrança indevida de serviços de assinatura

Uma tática dos criminosos é invadir smartphones a distância para cadastrá-los em serviços de assinatura. Normalmente, a ação desses serviços é silenciosa para que os usuários não suspeitem de nada.

Mesmo que a cobrança por esses serviços seja baixa, pagá-los mensalmente dá um prejuízo grande lá na frente. Aqui, recomenda-se sempre acompanhar a fatura do cartão de crédito. Se há cobranças suspeitas, procure cancelar imediatamente esses serviços e trate de fazer uma checagem no aparelho, porque ele pode estar contaminado.

Proteja-se com um programa de segurança

Se os sintomas acima ainda não apareceram em seu aparelho, é melhor se prevenir já do que ter de remediar mais à frente. Quer uma sugestão? O UOL Segurança Digital tem os recursos certos para evitar que programas maliciosos sejam instalados em seu Android.