Dicas e Curiosidades

ver todos

Como acessar seu banco pela internet com segurança

Postado em 22/09/2013

Como acessar seu banco pela internet com segurança

469.000
novas ameaças são encontradas
por semana na internet.

Se você quer uma
navegação segura e total
proteção
para seus dados
garanta a proteção do
UOL Antivírus

baixar agora

Os serviços de home banking chegaram para tornar nossa vida muito mais simples. Em vez de horas de espera em uma fila, bastam alguns cliques para resolver um monte de pendências.

A velocidade da comunicação na internet permite movimentar o dinheiro como se não houvesse fronteiras. Mas essa rapidez também ajuda os criminosos virtuais. Eles podem aplicar um golpe online e sumir com uma boa quantia da sua conta corrente ou de seus investimentos em poucos segundos.

Fraudes cometidas na internet são motivo de preocupação no país. Em 2011, os bancos brasileiros perderam a impressionante quantia de 1,5 bilhão de reais com golpes online, de acordo com dados da Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

Isso explica por que as instituições financeiras estão constantemente aumentando as barreiras para realizar operações. Mesmo tornando o processo mais chato e complicado, elas servem para garantir que ninguém acessará a conta além do seu legítimo dono.

Você também pode fazer a sua parte, tornando seu acesso mais seguro e fugindo dos golpes:

Ignore torpedos ou e-mails solicitando dados

Seu banco jamais vai enviar mensagens solicitando dados pessoais. Nunca passe essas informações. Por mais legítimo que um e-mail ou torpedo possa parecer, certamente se trata de uma fraude. Se precisar atualizar dados, vá pessoalmente à agência.

Não entre no seu banco em locais públicos

Computadores de lugares públicos – como cibercafés ou hotéis – são bem mais perigosos que você possa imaginar. Dificilmente dá para saber se essas máquinas carregam a última versão do software ou se têm antivírus atualizado. Pior: algum criminoso pode estar ao seu lado na hora em que você digitar sua senha. Nunca acesse o seu banco nesses locais. Redes Wi-Fi abertas também não são recomendadas para esse fim .

Instale as proteções do seu banco

É muito comum que os sites bancários exijam a instalação de um módulo de segurança para que você possa fazer operações bancárias. Siga as instruções e faça o download a partir do site oficial da instituição financeira, para ter certeza de que o programa é legítimo. Se o banco exigir, autorize os computadores em que vai acessar os serviços de home banking. Tudo isso dá trabalho, mas aumenta a segurança das operações.

Verifique o endereço do banco

Não confie em sites ou links de terceiros. Quando quiser acessar sua conta, digite o endereço do banco na barra do navegador. Criminosos virtuais costumam criar sites falsos com endereço e aparência muito parecidos com os do oficial. Todo cuidado é pouco para não cair em uma página capaz de roubar dados.

Erre a senha de propósito

Uma boa dica para saber se o site é real mesmo é errar de propósito a senha no primeiro acesso. Se o site for falso, ele vai prosseguir com a mentira e exibir uma tela de informações da conta, como se nada tivesse acontecido. Mas, se for real, você verá uma mensagem de erro. Cuidado apenas para não bloquear sua senha.

Confira o cadeado

Os sites bancários usam criptografia. Por isso, ao lado do endereço ou na barra inferior do navegador deve constar um cadeado. Isso indica que as informações serão criptografadas. Ao lado do endereço, é comum também ver "https://". Sem essas duas informações, saia correndo.

Use um bom antivírus

Ataques para capturar dados bancários usam cavalos de troia, pequenos programas espiões que capturam o que é digitado (sua senha, por exemplo) e enviam ao criminoso. Os bons pacotes de proteção, como o UOL Antivírus, conseguem identificar e neutralizar essas ameaças. Portanto, não abra mão de um bom antivírus, seja no celular , no tablet ou no computador.