Dicas e Curiosidades

ver todos

Como remover um vírus do seu computador

Postado em 08/01/2014

Como remover um vírus do seu computador

469.000
novas ameaças são encontradas
por semana na internet.

Se você quer uma
navegação segura e total
proteção
para seus dados
garanta a proteção do
UOL Antivírus

baixar agora

De repente, pula um alerta na tela do PC. "Vírus detectado!", informa o antivírus, ao encontrar uma ameaça virtual instalada no disco rígido do computador. O susto é tão grande que muita gente entra em pânico e não sabe como agir. Muita calma nessa hora. Ao contrário do que muita gente pensa, encontrar um vírus é sempre um bom sinal: significa que a sua máquina está bem protegida, que as defesas estão funcionando.

Para que tudo em ordem, o próximo passo é remover a praga o mais rápido possível. Isso é muito mais simples do que parece à primeira vista. O próprio software exibe as opções para que você elimine a ameaça sem comprometer a segurança dos seus arquivos.

Mas e quando o vírus não foi detectado automaticamente e você suspeita de que o computador foi contaminado? Também costuma ser fácil resolver esse tipo de problema. Veja, a seguir, um passo a passo para anular esses perigos digitais.

1. Faça uma varredura completa

Se o comportamento do computador estiver meio estranho (janelas pop-up com propagandas estranhas surgem do nada, sites desconhecidos que brotam na tela do navegador, lentidão inexplicável para rodar programas), pode ser por conta de um vírus. Abra o antivírus e peça uma varredura completa. O processo pode ser demorado, mas muito eficaz.

2. Siga as instruções

Se uma praga virtual for encontrada, o antivírus vai informar os próximos passos. Geralmente, a janela de alerta dá três alternativas para o usuário: deletar o arquivo contaminado, limpá-lo ou enviá-lo para quarentena. Nem sempre as três opções vão estar disponíveis, mas uma delas será capaz de resolver o seu problema num piscar de olhos.

3. Tente limpar o arquivo

Das três opções que costumam surgir quando se localiza um vírus, a mais segura é limpar o arquivo. Isso evita que, se um arquivo de sistema estiver contaminado, a sua eliminação provoque problemas no computador. Algumas vezes, no entanto, não dá para fazer isso, porque o tipo de vírus impede a limpeza.

4. Mova para quarentena

A quarentena funciona de modo semelhante aos procedimentos seguidos quando há suspeita, no mundo real, de doenças contagiosas perigosas: o indivíduo fica isolado por um tempo até se ter certeza de que não oferece perigo. No caso dos computadores, o arquivo vai para uma espécie de confinamento e permanece indefinidamente por lá. Quando surgir uma "cura", pode-se tentar limpá-lo.

5. Delete o arquivo

Se nenhuma das duas opções anteriores for possível, o jeito é apelar para a última alternativa. Remover o arquivo definitivamente acaba com a praga, mas também detona as informações que estiverem no documento. Por isso, essa opção radical só deve ser adotada em último caso.

6. Atualize o sistema e os programas

Depois de passar o antivírus e eliminar as pragas digitais, certifique-se de que o sistema operacional e todos os programas estejam atualizados. Isso diminui a vulnerabilidade do seu computador e evita que novas pragas apareçam.