Dicas e Curiosidades

ver todos

Criminosos digitais criam pragas para controlar a sua webcam de longe

Postado em 04/03/2015

Criminosos digitais criam pragas para controlar a sua webcam de longe

469.000
novas ameaças são encontradas
por semana na internet.

Se você quer uma
navegação segura e total
proteção
para seus dados
garanta a proteção do
UOL Antivírus

baixar agora

A webcam é um item indispensável em laptops e ultrabooks. Em poucos anos, a camerazinha deixou de ser item extra para se tornar a base da comunicação via internet. Afinal, quem não gosta de poder olhar para a pessoa com quem se está conversando?

A sua popularidade, contudo, a colocou como alvo de criminosos digitais. De acordo com levantamento da ONG inglesa Childnet International, há uma série de pragas que permitem o controle remoto das webcams. Depois de conseguir invadir o computador da vítima, os invasores vendem fotos e vídeos no mercado negro.

E a prática já foi usada, inclusive, por órgãos governamentais. Entre 2008 e 2011, a GCHQ, agência de vigilância digital britânica, capturou 1,8 milhão de registros a partir da ferramenta de chat com vídeo do Yahoo!. Mais tarde, os registros foram combinados com fotografias de pessoas com ficha criminal.

Saiba, abaixo, mais detalhes sobre os perigos da webcam:

Como eles invadem

Os RATs (Remote Access Trojans) são um tipo de malware criados para garantir o acesso remoto aos computadores. No segundo passo, essas pragas passam a controlar também a webcam sem que as vítimas saibam. Eles se espalham por meio de arquivos infectados ou links contaminados de determinadas páginas na web.

Medidas preventivas

Como a maior parte das pragas de internet, os RATs também demandam as estratégias de segurança clássicas: não abra e-mails e mensagens nas redes sociais de desconhecidos, cuidado com links estranhos e mantenha o seu programa de antivírus atualizado.

Se, ainda assim, você ainda estiver desconfiando, é possível colocar as mãos na massa. E de maneira bem pouco tecnológica: vale até cobrir a sua webcam com uma fita adesiva escura, por exemplo.

Tenha em mente, também, que todas as conversas pela webcam podem ser gravadas e espalhadas pela internet, ou seja, só permita uma conversa por vídeo com pessoas da sua confiança e prefira conversar sobre temas confidenciais pessoalmente.