Dicas e Curiosidades

ver todos

Mais de 1 milhão de usuários baixaram app falso do WhatsApp na Google Play Store

Postado em 22/11/2017

Mais de 1 milhão de usuários baixaram app falso do WhatsApp na Google Play Store

469.000
novas ameaças são encontradas
por semana na internet.

Se você quer uma
navegação segura e total
proteção
para seus dados
garanta a proteção do
UOL Antivírus

baixar agora

Não é novidade para ninguém que os criminosos digitais se aproveitam das ferramentas mais populares entre os usuários para espalhar malwares e outros vírus. E, apesar do esforço do Google para tornar sua loja de aplicativos mais segura, volta e meia versões maliciosas ficam disponíveis nela.

Mais de 1 milhão de usuários Android já foram enganados e baixaram uma versão falsa do WhatsApp. A confusão se deu devido ao título usado pelo desenvolvedor falso: “WhatsApp Inc.”, o mesmo título que o mensageiro real utiliza na Google Play Store.

Nesse momento, você deve estar se perguntando como o desenvolvedor de aplicativos falso conseguiu usar o mesmo título do legítimo produtor do WhatsApp, que foi vendido para o Facebook no ano de 2014. Bem, a resposta é muito simples: um espaço de caractere Unicode. De forma simplificada, o truque foi: o fabricante de aplicativos adicionou um espaço de caractere Unicode após o nome real da WhatsApp Inc., de forma que o código do computador fosse lido como WhatsApp + Inc% C2% A0.

>> Aproveite e veja O que você deve fazer antes de baixar aplicativos no Android com segurança

O problema é que este espaço escondido no fim do nome pode facilmente passar despercebido por um usuário comum, permitindo que esta versão desonesta do aplicativo fique mascarada e se misture com o produto real oferecido pela WhatsApp Inc. Ou seja: mesmo que na prática os aplicativos sejam completamente diferentes, sua aparência e seus títulos fazem com que o usuário não suspeite de nada.

Segundo publicações das vítimas nas redes sociais, o app falso nem sequer se tratava de uma ferramenta de bate-papo. Em vez disso, a versão fake simplesmente apresentava aos usuários do Android diversas propagandas para a realização de download de outros aplicativos.

Todo o cuidado é pouco na hora de baixar aplicativos

Depois do incidente, o Google removeu o falso aplicativo da sua loja oficial. Mais uma vez, o episódio serve para reforçar a importância de ter cuidado na hora de baixar aplicativos. Vale lembrar que o programa falso já tinha mais de 1 milhão de downloads.

Por isso, é essencial que os usuários estejam ainda mais atentos e vigilantes ao baixar aplicativos. E, como mostra o fato acima, essa prática não é necessária apenas nas lojas de aplicativos de terceiros. Esteja sempre atento aos apps baixados para seu celular, mesmo que estejam dentro da própria Google Play Store.

Além de prestar atenção no nome e na pesquisa sobre o desenvolvedor do aplicativo, não dê sopa para o azar: instale um antivírus em seus dispositivos móveis. Se você baixa apps na Google Play Store, o UOL Segurança Digital alerta se o programa é ou não perigoso antes da conclusão do download.