Dicas e Curiosidades

ver todos

Phishing Phone: Conheça essa ameaça

Postado em 08/06/2014

Phishing Phone: Conheça essa ameaça

469.000
novas ameaças são encontradas
por semana na internet.

Se você quer uma
navegação segura e total
proteção
para seus dados
garanta a proteção do
UOL Antivírus

baixar agora

Nunca aceite nada de um estranho e nunca passe uma informação para um desconhecido. Quantas vezes sua mãe disse essa frase quando você era criança? Na época da internet, esse tipo de ataque está acontecendo com muitos adultos.

Chamado de phishing phone, o golpe funciona assim: o criminoso liga para a sua casa e pede para falar com você. Fingindo se passar por um representante de uma grande empresa, ele engana a vítima. Ele pode sugerir a instalação de um software de segurança ou ir direto para pegar todos os dados que conseguir: do número de celular, até senhas do computador e, claro, dados bancários.

Não é de hoje que os criminosos se aproveitam da tecnologia para roubar a distância. Diariamente, um golpe é desvendado e, logo, surge uma nova série de golpes. O phishing phone é a mais nova moda dos criminosos. Para não se tornar a próxima vítima, se liga nas informações abaixo:

Microsoft já foi usada

Em 2011, a Microsoft informou que os criminosos se passaram por técnicos de suporte da empresa e falavam às vítimas que seus computadores precisavam de novos softwares por apresentar riscos de segurança. Segundo a companhia, dentro de um universo de 7 mil pessoas entrevistadas no Reino Unido, Estados Unidos, Irlanda e Canadá, 15% receberam esse tipo de ligação. Desse total, 22% caíram no golpe e perderam dinheiro. Os phishers chegaram a instalar programas nos computadores das vítimas e copiaram todas as informações. O prejuízo de cada pessoa variou entre 1.730 dólares a 4.800 dólares.

Desconfie de ligações não solicitadas

Quando você não está satisfeito com algum produto ou serviço de uma empresa, você é quem costuma pegar o telefone para reclamar ou resolver o problema. Uma grande empresa dificilmente liga para os seus milhões de clientes oferecendo soluções. Portanto, não caia nessa. Sempre desconfie de ligações ou e-mails não solicitados.

Não se comova

Mas ele passou confiança, era tão educado... essa é a resposta das vítimas após cair em um golpe. Oras, existe uma grande diferença entre um criminoso que rouba a distância para um assaltante de rua. A principal delas é a ameaça física. Um phisher sempre vai parecer educado e preocupado com você, afinal, ele precisa disso para ganhar a sua confiança. Feito isso, o próximo passo é ganhar seus dados bancários e o acesso ao seu computador sem te machucar. Em questões de minutos, você foi roubado e nem percebeu.

Pesquise antes de telefonar

Recebeu uma ligação não solicitada, mas desligou o telefone sem passar nenhuma informação. Agora, para ter certeza que se tratava mesmo de um golpe, ligue para a empresa em que a pessoa se diz funcionária e fale tudo o que ouviu. Isso é importante para a empresa informar seus clientes que ela está sendo usada para golpes. Ah, e consulte o telefone no próprio site da organização, não acredite em qualquer número que você encontra pela web.